sábado, 11 de fevereiro de 2012

O adeus a Hipolito Perone

Per la lettura in lingua italiana, clicca qui:  
L'addio a Hipolito Perone
 
Perdoa-me, meu amigo
Mas não encontro mais o alimento necessario
Para manter-te vivo
E não quero nem posso te fazer sofrer.
A tua fraqueza é bastante evidente.
Não te obrigarei a continuar esta estrada
Já caminhaste demais.

Sim, te deixarei ir embora
Levarás contigo um pedaço de mim.
Aos teus caros leitores mostrarei
Todos os teus escritos ainda não publicados.

Sou contente por ter-te conhecido
Sentirei saudades, meu amigo e mestre
Adeus Hipolito Perone.

Descansa em paz.
WAGNEY HIPOLITO PEREIRA DIAS